Aeroviários da Azul sofrem com infestação de mosquitos

0

Nos últimos dias, os trabalhadores da Azul alocados no saguão do Terminal 2 (TPS2) do Salgado Filho sofrem com um problema: mosquitos. O motivo da infestação foi um resíduo de água deixado pela Fraport no fosso do terminal, local que acabou se tornando um ambiente ideal para a proliferação dos insetos.

Segundo relatos dos trabalhadores, os mais afetados são os que chegam para o primeiro turno. Ao chegar para o expediente, os aeroviários precisam passar repelente e colocar inseticida no local de trabalho, produtos comprados com recursos particulares. Caso não sejam tomadas essas medidas, o incômodo e as picadas são garantidos. Outra preocupação dos trabalhadores é o risco de doenças que são transmitidas por esses insetos, como a dengue, por exemplo.

O Sindicato dos Aeroviários de Porto Alegre relembra que este não é um problema novo no TPS2. Em 2016, os trabalhadores da área de cargas sofreram com o mesmo problema, que voltou a acontecer na empresa no ano seguinte, em 2017. Para a diretoria sindical, esta é uma questão de Saúde e Segurança do Trabalho, que merece atenção e que deve ser resolvida pelos responsáveis.

A entidade já entrou em contato com a Fraport, que se comprometeu em solucionar o problema até a segunda-feira (22). O Sindicato estará atento e acompanhará o desenrolar da situação, e denunciará a situação aos órgãos responsáveis caso não seja resolvido.

Share.

Leave A Reply

5 + 7 =