Em ofício, Ministério da Saúde reconhece importância da imunização de aeroviários

0

Iniciada em 31 de maio, a imunização dos trabalhadores do setor aéreo está em curso. A imunização, porém, só se deu após consecutivos apelos da Federação Nacional dos Trabalhadores em Aviação Civil da CUT (FENTAC) e de seus sindicatos filiados.

Em ofício enviado pelo Ministério da Saúde (MS) para a FENTAC, o Diretor Departamento de Imunização e Doenças Transmissíveis Laurício Monteiro Cruz reconheceu a importância dos trabalhadores da aviação. No texto, o diretor finaliza reconhecendo também a importância das discussões sobre prioridade na vacinação.

Para o Sindicato dos Aeroviários de Porto Alegre ambas afirmações demonstram que os ofícios que foram enviados para o MS tiveram grande importância. “Acreditamos, pelo nosso entendimento do texto do diretor do MS, que conseguimos gerar esse debate lá dentro, e por consequência conquistamos a vacina para as categorias da aviação”, afirma a direção de Porto Alegre.

Ainda no ofício, o MS reafirma a importância da continuidade de outras práticas de prevenção mesmo depois das duas doses da vacina. O Sindicato reforça estas práticas para os trabalhadores, “não é porque a categoria está vacinada que devemos relaxar na proteção”, afirmam os diretores da entidade. “Máscaras, distanciamento e álcool gel devem permanecer na rotina de cuidado de todos mesmo após a segunda dose”, pontuam.

Share.

Leave A Reply

5 + 3 =