Campanha Salarial 2018/2019 terá luta por ganho real e pela CCT

0

Nos dias 17 e 18 de agosto, a sede do Sindicato dos Aeroviários de Porto Alegre recebeu o Seminário de Planejamento da Campanha Salarial 2018/2019 da Fentac/CUT. Para o Seminário, representantes do Sindicato Nacional de Aeroviários, do Sindicato Nacional de Aeronautas, dos sindicatos de Guarulhos, Recife, Campinas e Porto Alegre e da direção da Fentac/CUT estiveram presentes na casa do aeroviário gaúcho para discutir questões econômicas, políticas e traçar os rumos da Campanha. O evento foi realizado em parceria com os técnicos do Dieese Mahatma Ramos, Ricardo Franzoi e Anelise Manganelli, além do dirigente nacional da CUT Quintino Severo.

Seminário aconteceu no Espaço Cultural 14 Bis, na sede do Sindicato (Johnny Oliveira/Sindicato)

Pautas que já eram discutidas nas reuniões bimestrais com o Sindicato Nacional das Empresas Aeroviárias (Snea) como a extensão do auxílio creche aos homens, o cumprimento da cláusula que garante a entrega do PPP em até 10 dias, a inclusão de uma cláusula que garanta que a homologação seja acompanhada pelo Sindicato e mais uma cláusula que reforce a responsabilidade das empresas na Saúde e Segurança do trabalhador foram mantidas como principais avanços a serem conquistados. Além dessas alterações e inclusões de cláusulas, a manutenção de todos os direitos que já estão assegurados na Convenção Coletiva de Trabalho (CCT) é um dos nortes desta Campanha.

Evento contou com a participação de dirigentes de sindicatos de aeroviários de todo o pais filiados à Fentac/CUT, Sindicato Nacional dos Aeronautas e da própria Fentac/CUT

Outra das metas estabelecidas pelo Seminário foi a de obter um ganho real para os itens econômicos da CCT, visto que as empresas seguem crescendo no Brasil. Segundo números fornecidos pelo técnico do Dieese Mahatma Ramos, a Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) afirma que aviação comercial brasileira cresceu 7,5% nos últimos seis meses, número ainda maior do que o crescimento obtido pelos mercados norte americano e europeu.

Técnicos do Dieese abasteceram o Seminário com dados sobre negociações coletivas e economia do Brasil

Para o Presidente da Fentac/CUT e Secretário do Sindicato Nacional dos Aeronautas Sergio Dias, “nesta Campanha, percebemos nas reuniões bimestrais que as empresas devem tentar avançar na retirada de direitos. Diante disso, vamos valorizar a nossa convenção coletiva para avançar nas conquistas”, visão que é reforçada pelo Sindicato dos Aeroviários de Porto Alegre. Para os dirigentes gaúchos, “será preciso que os trabalhadores se unam pela causa que é o nosso ganho real e a manutenção da nossa CCT, já que o que vem por aí deve ser um duro enfrentamento.”
As pautas levantadas no seminário devem ser debatidas pelos aeroviários de todas bases filiadas à Fentac/CUT ainda no mês de setembro. A partir desta definição, os sindicatos devem entregar as pautas para o Snea até o dia vinte de setembro.

Share.

Leave A Reply

8 + 7 =