EDITORIAL: Eles foram a favor da Reforma Trabalhista

0

Em muitos momentos, em seus horários de propaganda na televisão, eles afirmam que lutarão pelo emprego, por uma vida melhor para o trabalhador e por direitos justos para o cidadão. Agora, em época de eleição, essas pessoas afirmam estar do lado do trabalhador, mas o que estes candidatos fizeram em 26 de abril de 2017, quando foi votada a Reforma Trabalhista na Câmara dos Deputados? Votaram SIM pela retirada de direitos do trabalhador.

Hoje, o emprego no Brasil passa por uma situação muito delicada. Quem tem trabalho vê seu salário ser cada vez mais diminuído frente ao aumento da gasolina e dos itens básicos de consumo. Já o desemprego aumenta todos os dias, isso em um mercado de trabalho que não abre novas vagas. A terceirização, o trabalho intermitente e o crescimento das atividades informais fecham essa conta desastrosa para o trabalhador brasileiro.

Esta Reforma, que foi amplamente divulgada como uma “modernização da legislação trabalhista”, tem se provado diariamente ser uma sentença que condena o povo brasileiro a péssimas condições de trabalho, isso quando há trabalho.

Aeroviário, não vote em candidatos que são contra os direitos dos trabalhadores. Fique atento! Hoje eles pedem nosso voto, amanhã nos tirarão mais direitos!

Estes deputados votaram a favor da Reforma Trabalhista

Alceu Moreira (MDB)
Cajar Nardes (PODE)
Carlos Gomes (PRB)
Covatti Filho (PP)
Danrlei de Deus (PSD)
Darcísio Perondi (MDB)
Jair Bolsonaro (PSL)
Jerônimo Goergen (PP)
Jones Martins (MDB)
Luis Carlos Heinze (PP)
Mauro Pereira (MDB)
Onyx Lorenzoni (DEM)
Renato Molling (PP)
Ronaldo Nogueira (PTB)
Yeda Crusius (PSDB)

Share.

Leave A Reply

6 + 8 =