Sindicato e Brigada Militar trabalham por mais segurança no aeroporto

0
Na tarde desta sexta-feira (31), na sede do Sindicato dos Aeroviários de Porto Alegre, diretores da entidade reuniram-se com o tenente-coronel Douglas da Rosa Soares, que comanda o 11° Batalhão de Polícia Militar (11° BPM), para discutir os problemas de segurança dos terminais do Aeroporto Salgado Filho. São muitos os problemas trazidos pela categoria para os diretores sindicais, são roubos, furtos de estepe e arrombamentos que resultam em uma sensação de insegurança causada pelo acúmulo desses crimes dentro da comunidade aeroviária.

Para a surpresa dos diretores da entidade, os números das estatísticas trazidos pelo tenente-coronel não bateram com a realidade vivida pelos aeroviários. A causa dessa defasagem nos dados registrados na Brigada Militar, segundo o tenente-coronel, só pode ser sanada se os trabalhadores que sofrem com os crimes registrarem todos esses incidentes nas delegacias. Para o Sindicato, “é de extrema importância que os aeroviários façam o boletim de ocorrência. Somente em posse desses registros oficiais é que nós podemos cobrar das autoridades que medidas sejam tomadas. ” Conforme o tenente-coronel, a falta de dados ainda acarreta em prejuízos no planejamento do policiamento da Brigada Militar.

Para auxiliar na coleta de informações sobre a região do aeroporto, o Sindicato formará um grupo de WhatsApp juntamente com representantes a Brigada Militar. Neste grupo, representantes de diferentes setores e turnos irão repassar informações sobre crimes e suspeitas. Este grupo, somado aos registros de boletim de ocorrência, deverá resultar numa melhora significativa na segurança do sítio aeroportuário.

Reunião durou mais de duas horas e buscou apontar soluções para a sensação de insegurança no entorno do Salgado Filho (Johnny Oliveira/Sindicato)

Para colocar toda a categoria a par das ações da Brigada Militar e informar sobre como é possível ajudar para melhorar a situação do entorno dos terminais, o tenente-coronel Douglas participar da Semana Interna de Prevenção de Acidentes de Trabalho (Sipat) da Latam no próxima dia 10 de setembro, às 13h30, no auditório do TPS1.

O Sindicato agradece a disponibilidade da Brigada Militar e do tenente-coronel Douglas em ouvir os problemas da categoria e demonstrar uma boa vontade de melhorar a sensação de segurança dos aeroviários. Para o Sindicato, “é preciso que todos nós estejamos envolvidos e comprometidos, devemos colaborar com informações para que a Brigada Militar possa saber quais são os nossos problemas e possa realizar um trabalho que seja bom não só para nós, trabalhadores, como para todos os usuários do Salgado Filho.”

Share.

Leave A Reply

2 + 4 =